[ editar artigo]

Medo de mim.

Medo de mim.

Medo de me dar, de me doar
De que essa entrega doa
De que eu a faça doer
no outro ou em mim.

Medo de não ser o que deveria ser
De não conseguir sentir o que é esperado
De eu me lançar em um relacionamento arranjado
Que eu mesma encontrei pra mim

Medo de não ter o que eu quero
De não poder experimentar o que sempre achei que deveria
Medo da minha hora nunca chegar
E se chegar,
medo de pensar demais e não sentir.
Medo de mim.

Literatura

EternizArte
Sarah Andrade Argibay
Sarah Andrade Argibay Seguir

Transformando a dor em palavras. Nomeando sentimentos. Reconfigurando-me.

Ler conteúdo completo
Indicados para você