[ editar artigo]

Decisão no milharal

Decisão no milharal

No continente do norte,

em um condado do sul,

no milharal encravado,

reúnem-se em dia ensolarado.

 

Confraternizam em churrasco

com molho, milho e melaço

e veem as eleições presidenciais

segundo suas certezas regionais.

 

Deliberam o destino

de uma nação

e de um mundo em desatino

com tal situação.

 

Mais que reacionários

são orgulhosos retrógrados

que se intitulam conservadores,

mas são apenas hipócritas.

 

Portando a cruz sulista

no braço tatuada

e, na mão, uma espingarda,

sempre carregada.

 

Rednecks decidem as eleições,

convictos do desígnio divino

que os tornam guardiões

de sua pseudodemocracia.

Literatura

EternizArte
Helio Valim
Helio Valim Seguir

Alguém interessado em usar a poesia como uma crônica poética do cotidiano, com realismo e imaginação. Com mais de 30 anos no magistério superior tendo lecionado em Instituições de Ensino no Rio de Janeiro. Mestre em Engenharia.

Ler conteúdo completo
Indicados para você