[ editar artigo]

Afogada

Afogada

Afogada
Imersa em mim
Impregnada com as gotas das minhas inseguranças
Minhas incertezas me sufocam
Estou perdida num lugar que conheço desde sempre
Mas que quase não foi explorado
Estou presa em mim
No meu eu
No meu interior
Na minha mente
Meus pensamentos me perseguem
e eu não consigo correr
Estou amarrada a eles
Atada
Às vezes fico leve,
saio do afogamento
Mas sei que em questão de segundo posso estar lá novamente
Afogada

Literatura

EternizArte
Sarah Andrade Argibay
Sarah Andrade Argibay Seguir

Transformando a dor em palavras. Nomeando sentimentos. Reconfigurando-me.

Ler conteúdo completo
Indicados para você