[ editar artigo]

Exatamente Como Agora

Já estive parado aqui antes,

exatamente como agora.

Olhando você tão distante,

criando fugas e indo embora,

exatamente como agora.

Mas vi essas fugas outras vezes

e seu retorno das derrotas.

Invejei suas partidas,

te recebi em tuas voltas.

Ganhei antes, os seus beijos,

exatamente como agora.

Admiro sua coragem,

que te faz voar para fora.

Já estive voando antes,

mas me perdi numa gaiola.

Só meus pensamentos voam,

exatamente como agora.

Meu silêncio já escutou

as lágrimas que você chora,

mas sempre se acaba sorrindo,

como eu já ri outrora.

A dor se vai e você recua,

deixando tudo na memória.

E eu sempre acabo aqui...

Exatamente como agora.

#Poesia#Concurso#PoesiaEternizarte

Concurso Poiésis EternizArte

TAGS

amor

EternizArte
Ler conteúdo completo
Indicados para você