[ editar artigo]

Pandemia do cotidiano

É como encontrar um novo olhar

Uma nova forma de entender

Tudo aquilo que não entendia antes

Mas não é tão fácil, sabe?

 

Mesmo com todo o tempo que temos

Mesmo com todos os luxos que vivemos

É complicado se encontrar

Abrir seus olhos para uma nova realidade

 

Parece como se tudo tivesse mudado

De um momento a outro

Tudo de certa forma se desvaneceu

E não temos forma de sair

Nem das nossas casas

Nem da nossa cidade

 

Tenho que me encontrar

Tenho que usar meu tempo da melhor maneira

Mas porquê?

Porque preciso me entreter?

Eu só queria parar

Parar nessa monotonia

E ter um momento

De pausa

Na pausa eterna que vivemos

 

#Poesia #Concurso #Eternizarte #coronavirus #pandemia

EternizArte
Saori Garcia
Saori Garcia Seguir

Apaixonada por palavras, poesia e melodias

Ler conteúdo completo
Indicados para você