[ editar artigo]

SOS Amazônia

SOS Amazônia

            

A fúria da ganância humana
na contra mão do planeta
revela dor e tristeza da mãe natureza
Oh! bela Amazônica 

Os igarapés hoje silenciam 
rios e lagoas cheios de igual beleza
agora eunuco no harém das queimadas
violação da terra dizimada

Ouve-te lamento e choro 
até da bela Iara que geme e agoniza
no caos dos traficantes,ladrões de madeira 
o mundo preconiza a necrose da extinção 
o futuro e a herança em dizimação
Ah! Nossa Amazônia 

Homens maculando                    o ventre da terra
corroendo o espírito,um perigo letal
a devastação é contínua,            o coração sagra
o desmatamento                            é gravidade fatal
em cada árvore que se corta 
é uma floresta que  acaba 
a terra que foi vencida 
A Amazônia conquistada.

EternizArte
Maria BetaniaKnoedt Andrade
Maria BetaniaKnoedt Andrade Seguir

Maria Betânia Knoedt Andrade, baiana, contadora de historia, contista filiada a Academia de Letras e Artes de Feira de Santana, academia de Cultura da Bahia e Academia Internacional de Letras, Artes e Ciências de Argentina,Detentora de vários premios

Ler conteúdo completo
Indicados para você