[ editar artigo]

Sempre Mais

Sempre Mais

 

Sempre Mais

 

O som da água a jorrar,

No lago sob a luz do sol a se por.

O sorriso e o silêncio.

Teu olhar e a maciez de tua pele,

Tudo que deseja o amor.

Um abraço apertado,

Beijos que fazem  do desejo uma realidade,

Dos carinhos, uma necessidade.

Mãos que passeiam suavemente sob seus cabelos,

A produzir arrepios no frescor da noite.

Deitar em teu ombro e fingir um breve sono,

Desfrutar da delícia de sua companhia.

Tocá-la sutilmente e produzir desejos,

Ser tocado por ti e sonhar,

Sentir-se amado e querer estar sempre ao seu lado.

Deixar-te e sentir que já és metade  de mim.

Um até breve com o sabor de teus beijos,

E um até mais  com o desejo de te querer sempre mais.

Um novo encontro, a cada instante,

Em pensamentos e em desejos,

É assim que aprendemos a nos amar.

#poesia#concurso#eternizarte

 

EternizArte
Sergio Ricardo de Carvalho
Sergio Ricardo de Carvalho Seguir

Sociólogo, professor, escritor de temas diversos, desde drama, comédia a peças teatrais com personagens próprios, poeta e contista, amante da arte das escritas.

Ler conteúdo completo
Indicados para você