[ editar artigo]

Preciso de um cigarro

Preciso de um cigarro

Maços de cigarro, saudades completas de vazio, 
Semelhantes aos teus abraços matinais
Despejados em ódio e amor.
Uma pequena mentira escarnada
Em desejos malditos
De te fuder com calor,
Sem pressa, nem pudor.
Epifania falsa me dava um prazer eterno.
Chamas emergiam do seu coração, 
Enquanto a areia molhada tentava tirar teu protagonismo.
Visão entorpecida na ambígua alegria de te amar,
Lábios com sabor de cereja domavam o controle da situação,
Tresvariando cada toque em suas palavras,
Temidas pelo frisson escaldante de insaciáveis sensações de apego.

Ler conteúdo completo
Indicados para você