[ editar artigo]

O que fizemos

A dor é inconsolável. Eu passo os dias esperançosos em busca de redenção. Durante a noite tudo o que eu quero é ter importância pra vc de novo. Numa realidade de dias e noites, Sol e Lua, terra e mar, onde acreditamos em anjos e demônios, o bem e o mal. Uma vida perdida em meio ao mundo, onde tudo é único e o passado não vai se repetir, de onde vem essa força sagrada da dor que nos aflige pelos outros? Porque promissoras histórias morrem no passado, trazendo tragédia e amargura para as lembranças? Isso entristece a alma e duas vidas, porque nos abrimos a essas possibilidades? Algo que não deveria acontecer jamais. Seria uma maldição ter que conviver com essa falta abrindo um caminho de sangue pela frente? Que mundo mágico nos metemos, não é meu amor. E como fomos acabar brincando com a magia da maneira errada.

Ler conteúdo completo
Indicados para você