[ editar artigo]

O Poeta Grita

O Poeta Grita

Da loucura
Imensidão Colorida
De brincar
De ser
Personagens
Inimagináveis
E seres balanceados
Que buscam
Apenas caos
Para encontrar
A sua transcedência poética.
O poeta grita
Pela liberdade
De várias tintas
Entaladas na garganta
Que apenas querem
Pintar o mundo
De Maneira
Autêntica e desconhecida.
O poeta grita
De bagunça infantil
Pôr do sol em tons alaranjados
E misticidade sobrenatural
Do excesso de loucura
Que me faz ser gênio!
#Poesia #Concurso #Eternizarte

EternizArte
Jonathan Pedro
Jonathan Pedro Seguir

Poeta, Escritor, Romancista, Letrista, autor do livro Ondas Poéticas, um dos fundadores do grupo Reféns da Poesia e Mentor da comunidade Mono Art.

Ler conteúdo completo
Indicados para você