[ editar artigo]

Noite sem fim

Noite sem fim

Já se passaram duas horas ou mais que estou a me deliciar com sua presença,

Parecem minutos de uma criança em um parque de diversão.

As horas passam rápido quando se quer que elas se passem lentamente

São traiçoeiras horas que ditam o tempo a seu bel-prazer.

Gostaria de parar o tempo e esse relógio não passar as horas nem mais um minuto,

Assim não precisaria mais me separar de você,

Mas ao contrário do tempo que tão rápido passa agora

Meu coração não pulsam ao som das batidas do relógio,

Ele pulsa a cada vez que lembro do teu olhar doce e meigo de menina

Tão doce como tuas palavras que invade o meu ser e toma conta de mim

Me fazendo desejar que essa invasão seja autentica e duradoura

Tão duradoura quanto a noite que vem, que sem ti não terá fim.

EternizArte
David Dantas dos Santos
David Dantas dos Santos Seguir

Membro da vila de poetas em Maranguape, ator e co-fundador da Cia. solo de teatro, amante das artes.

Ler conteúdo completo
Indicados para você