[ editar artigo]

Não é o tempo que passa

Não é o tempo que passa

Vivemos é no agora, neste instante. Um tempo que passou, não é mais, foi vivido, não existe, se foi.

É só um tempo perdido, pré-ocupado por gente cheia de culpas ou que culpa aquilo que nem lembra porque foi.

O ontem é uma história vivida, que ensina ou não, e que não se apaga nem revive. É uma vaga lembrança contada pela imaginação.

Deixa lá seus "E SEs"... feitos, desfeitos, ditos, pensados, engolidos, assumidos, fingidos, falados, reprimidos...

Resolva o que pode no agora, se desculpe, acabe, volte ou vá embora, se redima, valorize, se levante ou desça aqui, sem demora.

Recupere, reconquiste, dê as costas, siga em frente. Tenha ou perca, se mexa. Olhe, se enxergue, ouça, perdoe, não culpe, refaça, mas faça.

Pode até tentar planejar, repensar, projetar sua vida. Mas estagnada, cheia de passados presentes, ela não é de agora.

O hoje é que faz diferença, que vira lembrança. Mas o momento do beijo que molha, do olhar que te olha, do roçar que a pele sente. O melhor é na hora.

Não é o tempo que passa, mas você que não age, não faz, só se encharca, se salga e se molha, e se perde e perde o seu tempo de agora.

.

.

.

(texto: Wilson Leite; imagem: Gabriel Barradas)

EternizArte
Wilson Leite
Wilson Leite Seguir

Brincante de escrever, fotografar, pensar, divagar e falar o que pensa.

Ler conteúdo completo
Indicados para você