[ editar artigo]

Melancolia

Melancolia

A tristeza sempre me bate a porta

Em profunda melancolia

Quase que me engolia

A dor....

E nesses versos de melancolia

Tento descrever minha alma

Para os que não entende

Sente pelas minhas lágrimas

Mas não compreende essas lástimas

Corre um rio sangrento entre minhas veias

Até um momento em que se libertarão até meu último suspiro

Me viro entre lençóis 

Em meio a insônia

Meus pensamentos que atormentam

Até o vento sinto - me tocar diferente.

Ler conteúdo completo
Indicados para você