[ editar artigo]

Dos Rabiscos

Dos Rabiscos

Não sou do papel.
Sou a folha seca que cai da árvore.
Sou da calmaria das tardes,
da insônia das noites,
das dores,
Amores.

Identidade,
violão e catarses.
Saudades, rabiscam tanto por quê?
 

#Poesia #Concurso #Eternizarte

EternizArte
Jeniffer Silva dos Santos
Jeniffer Silva dos Santos Seguir

Hey! Eu sou apenas uma escritora de contos e poesias. Amante de música, origamis, fotografia e design.

Ler conteúdo completo
Indicados para você