[ editar artigo]

Depressão

Depressão

Chega nessa hora
Onde o vazio me preenche
Deitada na cama
Com milhares de coisas na mente
Por que sempre termina desse jeito?
Queria compreender, esse é meu único desejo
Solidão e fraqueza me consomem
Igual aquele homem
Que amei com todo meu coração
E minha resposta foi não
Um vácuo tão profundo
Que me afundei no submundo
Não quero mais sofrer
Não quero mais viver
Apenas queria morrer
Nada que eu faço da certo
E torço para que isso não seja eterno
Desânimo como sempre
Sem fazer nada praticamente
Eu realmente me detesto
Por tentar tudo e nada dar progresso
Depressão, me deixa confusa
Triste, louca e insegura
Sem saber o que fazer
Rir, chorar ou ler
O que me resta é escrever sobre esse vazio
Que deixa tudo tão frio
E sem sentido
Sinto fome, mas não quero comer
Sinto vontade de morrer, mas só queria viver
Entretanto em minha realidade
A vida aos poucos vai tirando minha sanidade
Egoísta, maníaca e sem empatia
É o que muitos pensam da minha sabedoria
Quando estou tentando ajudar tanto
Fico presa entre prantos
Chorando sem parar
Vem até a maldita falta de ar
Ô, não, outra crise
Pra eles é babaquice
Presa em minha mente
Onde só quero bem dessa gente
E assim me chamam de escrota é uma ofensa pior que outra
Sendo honesta com minhas "irmãs"
E no fim sou tarjada de vilã

EternizArte
Lilith Mondel
Lilith Mondel Seguir

Uma jovem curiosa que ama aprender, apaixonada pela vida mesmo pelo seu lado complicado, louco e melancólico, existe beleza em tudo que pisamos. Estou aqui para mostrar minha arte que nunca tive coragem de exibir, sou iniciante, mas faço com amor.

Ler conteúdo completo
Indicados para você