[ editar artigo]

Comemoração!

 

E eu, não sei bem quando
segundo ela mesma, foi em novembro de 62
num outro século, eu fui a alegria
um brilho no olhar da minha mãe
O tempo passou, e eu estou aqui
no limiar dos 56 anos... ha poucos dias
de começar uma nova etapa
Numa idade nova, faço meu 57 anos
Sigo o meu caminho...
em pleno século 21... tantos desafios
momentos de lapidação
Sou viajante, um dia vou transcender
e seguir seja lá pra onde for
Dores, alegrias, amores e paixões
a poesia é o meu amparo
muita fé neste pulsante coração
(DiCello, 16/08/2020) 

 

EternizArte
Marcelo Fouquet Rosembrock
Marcelo Fouquet Rosembrock Seguir

Poeta, viajante, observador, amante do belo, romântico por natureza, intensidade sempre foi a minha essência. Escrevo com alma, com coração cada um dos meus poemas. Assim sou eu... uns gostam, outros atiram pedras, mas quando escrevo, sinto leveza!

Ler conteúdo completo
Indicados para você