[ editar artigo]

Canos silenciosos.

Canos silenciosos.

Meu corpo
vai evaporando
no mar.

E meu copo
vai esvaziando
até acabar.

Finalizar
igual uma tarde
de sol
poente.

Quando a morte
for poesia
em seus lábios,
vou querer me perder
em teus rastros.

Vai ser fácil
de te achar.
Sua pele
cor d'água.

Vai ser fácil
desaparecer
ao me jogar
de tão alto.


De
tão
   a
      l
        t
           o

                                 ALTO


                                        
                                                ALTO

                                                                ALTO.


Por favor,
ligue pra quem você gosta.

Nunca diga tchau ou vire as costas.

Tudo é tão curto.
    
    Telefone pra quem ama.

        Não diga adeus, agora.
 

EternizArte
Hudson Henrique.
Hudson Henrique. Seguir

Hudson Henrique. Escritor e compositor brasileiro. Ganhador do primeiro concurso EternizArte, com o poema "Assoprando dentes-de-leão contra a tempestade". Site oficial: www.hudsonoficial.com Aonde me encontrar: https://linktr.ee/hudsonhenrique

Ler conteúdo completo
Indicados para você