[ editar artigo]

BORBOLETA - poema

BORBOLETA - poema

Espalhando de flor em flor a sua beleza,

Dispersa o pólen para reprodução.

Símbolo de fragilidade e de leveza.

Faz do seu vôo uma grande atração.

 

Passos de balé, altivez e delicadeza.

E o bater de asas que nunca cansam.

Salpica de cores o palco da natureza.

Junto a outras que também dançam.

 

Não importa a sua breve existência.

Pousada na planta, na árvore e na flor,

Sua missão cumpre com eficiência.

Entregando pedacinhos de amor.

Ler conteúdo completo
Indicados para você