[ editar artigo]

BOLERO DOS MASCARADOS

BOLERO DOS MASCARADOS

Bolero, rainha das danças, sorria com o olhar,

O olhar é o ímã que seduz e apaixona,

Bolero bailado romântico, que seduz,

Verdadeira conexão do amor,

Estamos em tempos de pandemia,

Máscaras escondem o sorriso dos lábios,

Mas temos a magia de sorrir com os olhos,

Não podemos dançar romanticamente abraçados,

Mas podemos olhar de longe em um bailado encantador,

Sonhar com um baile de máscaras é pura utopia,

Sim, um baile de máscaras onde todos se olham com enigma,

Onde todos sorriem com o olhar de sedução,

Bolero o olhar diz tudo,

Bolero o olhar fala tanto, tanto, tanto que não precisa da voz,...

Todos os telespectadores atentam percebem,

Vamos, venham bailar fantasticamente o bolero,

Venham bailar com maestria no interior da minha poesia,

Venham bailar com graça e beleza no bolero dos mascarados,

Ouçam a música, sintam a emoção no coração,

Bolero, pura utopia,

No salão lusco-fusco todos se olham,

É tempo de pandemia...

PETRONILHA  ALICE  ALMEIDA  MEIRELLES

 

EternizArte
PETRONILHA ALICE ALMEIDA  MEIRELLES
PETRONILHA ALICE ALMEIDA MEIRELLES Seguir

PROFESSORA MESTRE E LÍNGUA PORTUGUESA, LINGUISTA, PSICOPEDAGOGA, ESCRITORA DE LITERATURA INFANTIL E POETISA.

Ler conteúdo completo
Indicados para você