[ editar artigo]

Bobo da corte divina

Agora entendo o
porquê estou nesse
vale de ossos secos.
Agora eu sei porquê
todas as vezes que acho
que me encontrei,
me perco.
Há um maldito
labirinto de areia
movediça dentro desse
cerco.
Devo ser totalmente
hilário para Deus,
um circo. Já estou
entendiado com
a merda desse ciclo,
eu vou é, de uma vez
por todas, desfazer
esse vínculo e
talvez descansar
por alguns séculos.
A verdade é que
eu queria tá quebrando
cadeiras e garrafas
em uma briga de bar
ou derrubando a coluna principal
de um prédio,
que só talvez assim,
me livraria do grande
fardo de viver
esse eterno assédio,
mas cá estou,
escrevendo um texto 
de puro tédio.

#Poesia #Concurso #Eternizarte

Ler conteúdo completo
Indicados para você