[ editar artigo]

As Cores de Cada Dor (Arco-íris)

As Cores de Cada Dor (Arco-íris)

 

São muitos espinhos
Muitas espadas contra nós
Como se fosse uma guerra
E fôssemos apenas uma rosa entre tantos anzóis

Pedras à nossa esquerda
Estacas à nossa direita
Flechas ao nosso redor
E a maldade por inteira

É difícil amar na Terra dos homens
Amar, demonstrar um ser
Sem motivos à incomodar
O intuito é apenas viver

Se pertencemos ao arco-íris
É porque merecemos brilhar
Ser então recompensados
E ter a chance de recomeçar

Depois das lágrimas,
Depois da tempestade
Você pode ver o arco-íris
Como sinônimo de liberdade

Exibindo as suas cores
As cores de cada dor
E então transformando
O amor em brilho e cor

Deixe o arco-íris te maravilhar
Permita-nos brilhar
Como o sol que vos brilha
Conceda espaço para nos iluminar

Apenas espalhe seu sorriso
Para que possamos cobrir as dores
Permitindo assim cada cor
Ganhar então suas merecidas flores.

             - Ryan Lenisson Gomes.

EternizArte
Ryan Lenisson
Ryan Lenisson Seguir

Ryan Lenisson Gomes, Sergipe, Brasil nascido em 15 de novembro de 2002 (18 anos). Escritor, produz poesia e também é compositor.

Ler conteúdo completo
Indicados para você