[ editar artigo]

Ao abrir as cortinas ,em belas manhãs

Ao abrir as cortinas ,em belas manhãs


No início...,tive vergonha de mim;...de meus familiares e amigos.Temia,que eu seria deixada de lado,...a qualquer momento.
Alguém mais atento,logo notaria em mim,algo fora dos padrões neurológicos.
Perceberiam,que mesmo eu estando ali,na roda afetuosa deles:amigos,colegas e familiares;eu nunca fizera parte realmente.


Eu era a maçã pobre na cesta.

Talvez,eu estivesse no fundo dela.
Por isso,nunca haviam me notado com clareza.
Sempre meio calada...,tímida,sem discordâncias em ir a lugares.Um ou outro namorado,ou paquera,...sem queixas a mim.Ou sobre mim.


TALVEZ,Nunca um tempo suficiente,para alguns deles,os relacionados amorosamente,me dizer algo perturbador sobre mim,...aos seus próximos
e/ou aos meus.

Minha família,não herdou fortuna alguma.Mas meus pais,obtiveram uma considerável renda após anos e anos de trabalho.
Tenho um irmão mais velho.Ianko.
CLARO...;e eu sou a Mlldri.
E sim...!,é meu nome de batismo.Sonhos esvoaçados de meu pai


A mente...,em um determinado ponto,cansa de sofrer.Cansa do sofrimento excessivo.Adoece também...,diante dos desejos falhos.


Diante das satisfações ,alcançadas pelos alheios.

Contados em esplendor, á sua presença, já enfraquecida e desconfiada com o destino;
sofrível ,que lhe aguarda.
"A doença mental",não é humilhante em comentários alheios.Isto não passa de besteira dita e especulada por eles.
Eles nunca saberão,em dias futuros,o que a vida lhe dará;...Lhe reserva.
É um vitupério,a Si mesmo.

Mas hoje,a loucura..;se quiser me diagnosticar assim...;me diverte.
Tenho a lembrança,de domingos...,com macarronada e churrasco.TODOS OS DOMINGOS em minha casa;...era assim!.
Os adultos"responsáveis"pelas crianças,bêbados!.

Éramos livres ,para "derrubar a casa",...se quiséssemos.
É mais ou menos assim...,que me sinto hoje.
Liberta.


Não devo desculpas ou satisfações sociais.De como,fui"sorteada"pelo acaso.da tristeza e da depressão.

-Hei,você ganhará uma pequena disfunção mental...ALEGRE-SE!.

Quer saber?Me alegro sim!
Como eu já bem disse,tem"contemplados" piores.

Você aí,... acha,que não corre certos riscos vinculados a você.
Não têm certos comportamentos de abusos ,como:alimentares ou de vícios.


Mas saiba,que sem saber,o Mundo,colocou seu nome e suas fichas em sua roleta.


Um viciado ou alguém que tem outro alguém em casa,com fome ou á espera de dinheiro,o matará por estar no lugar errado e na hora errada.


CLÁSSICA ESSA!


Viu?O mundo, jogou com seu nome. O pôs em seu vício sórdido.O ACASO.

ENTENDEU?
Em um lugar paradisíaco  e com um triste fim á frente?


Semântica e dados jogados.


NADA PESSOAL!

Ler conteúdo completo
Indicados para você